As moças dos anúncios de pensos higiénicos!

Alguém como eu, a pensar sobre isto?

A malta do “marketing” de pensos higiénicos, tampões e afins, para o período menstrual, tenho cá para mim, que das duas, três: ou são parvas, ou são homens (não associar com a primeira), ou são doentes da cabeça!

Em que mundo. Não. Em que planeta, nesta e noutras galáxias, é que uma mulher com o período menstrual anda feliz e contente daquela boa maneira?

Expliquem-me.

Em que mundo, é que uma mulher no seu período menstrual, se sente com vontade de cantar, vestida com as cores do arco-iris, e fazer o pino de 394 maneiras diferentes?!

Onde?! Não é possível.

Eu, nem em dias “normais” tenho vontade de andar de bicicleta a cantarolar, qual Maria Von Trapp, muito menos durante o período menstrual.

Não. Nesses dias, quero um sofá e só pra mim, porque até o encosto de braços de alguém me dá nervos, uma manta, uma caixa de chocolates, três pacotes de pensos higiénicos e uma casa-de-banho livre. E deixem-me estar. Não me “moiam”.

Quero lá saber de me vestir como se fosse um unicórnio a espalhar charme “ca’zamigas”!

A menos que a pessoa seja professora de artes acrobáticas (nem sei se isto existe), não me parece que alguma de nós queira, estar pendurada em argolas, a baloiçar de cabeça para baixo.

Eu, dependendo dos meses, tenho como objetivo não me mexer muito, para não ficar toda “suja”, quanto mais andar a fazer ginástica toda alegre (desculpem a imagem mental com que ficaram depois desta frase)!

E parem lá de iludir as crianças, que vão crescer a achar que o período menstrual é uma coisa maravilhosa. Que podem fazer tudo o que não fazem nos dias normais. Que vão ser imensamente felizes durante esses 3/7 dias. Que vão querer andar de bicicleta, correr, vestir roupas dos anos 90 e estar sempre limpas, frescas e fofas.

Até os meninos devem querer ter o período quando assistem a estes anúncios. Eu se fosse menino, queria. Tudo tão maravilhoso e colorido. Leve. Alegre e solto.

Mas não. Não é isso que acontece. Na verdade é o contrário.

Não queremos andar de bicicleta, porque estamos inchadas, com dores na barriga, costas, rins e na cabeça. Não vamos estar imensamente felizes, porque as hormonas são lixadas e ora choramos, ora rimos. Não vamos querer correr com as amigas, porque estamos sem paciência para pessoas no geral (nada contra as amigas). E muito menos queremos vestir calções de “lycra” brilhantes que se agarram às pernas, rabo e consequentemente vagina. Vagina esta, que está a a deitar litros de sangue por minuto.

Ah, e sim, é sangue que nos sai pelo pipi! Vermelho.

Não é um líquido azul (a menos que sejamos da realeza ou um unicórnio, brincadeira), que faz bolinhas fofas no penso higiénico. Não. É sangue. Suja. E nalguns casos, dependo da mulher ou do mês, não é um “fiozinho” de sangue. São baldes. Se não tivermos os devidos cuidados, suja as calças de uma maneira que vocês nem sonham, e é preciso meter as ditas de molho em água oxigenada durante 15 dias, para que fiquem de novo limpas.

Em suma, estar com o período é uma bela merda. E as moças dos anúncios também sabem sabem disso, os senhores do “marketing” é que não.

maxresdefault-2Imagens com direitos autorais.
maxresdefault-4Imagens com direitos autorais.
tumblr_nlbm4njhYC1sn0z5fo1_5001Imagens com direitos autorais.

É só. Bom dia a todos!

One thought on “As moças dos anúncios de pensos higiénicos!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s